Canais de Streaming vão Substituir a TV por Assinatura?

Canais de Streaming vão Substituir a TV por Assinatura?

Felipe Felipe 17 ago 2021

A tecnologia a cada dia se reinventa, mudando também os modos como as pessoas existem, consomem e se comunicam, atingindo diversas esferas da vida social, profissional e particular.

Um exemplo disso, foi o surgimento dos canais de streaming, que impactaram o mercado de conteúdo audiovisual, inclusive os número de clientes de TV por assinatura. 

Um exemplo disso é que, nos últimos 7 anos, o número de clientes de TV por assinatura caiu no Brasil, devido tanto a crise econômica, quanto a preferência dos novos adultos a consumir conteúdos com programação menos estrita e rígida. 

Com a pandemia de Covid, esperava-se que o número de clientes de TV por assinatura aumentasse, o que ocorreu de forma mínima em alguns meses ao longo desse período, diferentemente dos canais de streaming, que a cada mês que passa acumulam mais consumidores. 

Outro motivo que deixa a TV paga nessa má condição é a grande presença da pirataria no Brasil, que faz com que as pessoas tenham acesso a todo e qualquer conteúdo (de forma ilegal), dificultando assim que haja o interesse ético de se pagar para consumir algo. 

Diversos são os efeitos da tecnologia e da sociedade nesse quadro que coloca cada vez mais a TV por assinatura para trás em relação aos canais de streaming, resultando até na venda da SKY Brasil e DirecTV Go devido ao baixo número de vendas. 

Para você entender mais sobre esse assunto, as diferenças entre esses serviços e quais são as próximas tendências desse mercado, preparamos esse texto com todas as informações necessárias para saber tudo o que está acontecendo. 

Receba Novidades

Diferenças entre canais de streaming e TV por assinatura 

Como os canais de streaming são uma novidade no mercado brasileiro, ainda mais por causa da explosão de popularidade deles nos últimos tempos, é importante entender as diferenças entre esses serviços e os de TV por assinatura para ficar clara a preferência que tem acontecido em favor do streaming. 

A televisão paga já é muito conhecida no Brasil, sendo aquele serviço pago que te fornece acesso, através de um aparelho, a diversos canais de televisão, tanto abertos quanto fechados. Esses canais são de conteúdos diversos, com programação e conteúdo fixo, tendo pequena variabilidade de acordo com o tempo. 

É perceptível, que nesse modelo de serviço, o consumidor fica preso aos conteúdos e horários que a empresa dona do canal disponibiliza para seus conteúdos serem transmitidos, dificultando a vida de quem não possui muitos horários livres para assistir o que gosta. 

Já os canais de streaming são plataformas de vídeos, pagas ou gratuitas, que disponibilizam filmes, séries, documentários e reality shows para que possam ser assistidos a qualquer momento e quantas vezes quiserem. 

Aqui já fica perceptível um dos grandes motivos da preferência pelas plataformas de streaming, a flexibilidade em seu uso. Mas essa característica tem limites, uma vez que o catálogo de conteúdo liberado em cada canal de streaming é determinado pela empresa e pelas produtoras parceiras. 

De certo modo, as plataformas de streaming também são como canais mas, ao contrário da TV paga, o conteúdo nelas são possíveis de serem assistidos repetidamente a qualquer momento, o que aumenta o interesse dos consumidores que estão atrás de títulos específicos para assistir. 

Quando é melhor ter canais de streaming? 

Os canais de streaming são uma ótima opção para as pessoas que não podem ou não desejam fazer um alto investimento mensal para ter acesso a conteúdos audiovisuais como séries, filmes e reality shows. 

Devido aos baixos preços e à flexibilidade de uso, as plataformas de streaming permitem que você contrate mais de uma delas, possibilitando ter em qualquer dispositivo acesso a mais de um catálogo com diversos conteúdos. 

Quando é melhor ter TV por assinatura? 

A TV por assinatura se torna uma boa opção para aquelas pessoas e famílias que têm desejo de consumir conteúdos específicos da televisão aberta ou canais fechados, como por exemplo, eventos esportivos que não estão inclusos nos canais de streaming. 

Além disso, a TV por assinatura é muito utilizada por aquelas pessoas que não têm um interesse específico ao escolher algo para assistir, desejam apenas ter algum conteúdo rápido disponível a qualquer hora. 

É perceptível que os públicos dos canais de streaming e da TV por assinatura são bem distintos e, ainda por cima, podem ser serviços complementares, pois os conteúdos oferecidos por esses serviços são diversos também. 

Por esse motivo, é difícil dizer que os canais de streaming vão substituir a TV por assinatura de forma completa, no cenário que temos atualmente, mas a dominância dos serviços de streaming está cada vez maior no mercado audiovisual, o que pode transformar essa área no futuro em algo que não é possível prever no presente. 

O que é IPTV? 

IPTV é uma sigla para Internet Protocol Television (Protocolo de Televisão via Internet). Isso significa que, os serviços, aparelhos e aplicativos de IPTV são capazes de transmitir conteúdos televisivos via internet, diferentemente dos meios tradicionais via cabo ou satélite. 

Atualmente, já existem diversas formas de se utilizar o IPTV de forma legal, como por exemplo, os aparelhos “box” que são veiculados pelas operadoras de TV por assinatura, como a Claro Box TV. 

A Claro Box TV funciona como um aparelho de TV por assinatura, permitindo o acesso a diversos canais televisivos e de streaming, mas a sua diferença é que não precisa ficar em um ponto fixo com acesso a um cabo, pois necessita apenas de internet para que consiga transmitir o conteúdo em um dispositivo. 

Além de funcionar com base no serviço de streaming, não precisando assim baixar o conteúdo disponível, é possível personalizar os conteúdos que você deseja assistir, fazendo com que o IPTV se adapte aos seus gostos, personalizando também as propagandas que serão transmitidas. 

A Claro Box TV funciona como um serviço pré-pago no qual é possível selecionar o plano desejado, adquirir o dispositivo da operadora e mês após mês colocar recarga para assistir o que deseja. 

Outro ponto interessante desse dispositivo é que ao assinar o plano da Claro Box TV, além de ter acesso aos canais televisivos normalmente vendidos em planos de TV por assinatura, você também tem acesso aos canais de streaming, desde que tenha assinatura ativa neles. 

Alguns planos da Claro Box TV já incluem uma ou outra assinatura de canais de streaming, mas caso você deseje ter acesso à outras plataformas, é possível adicionar outros serviços mediante o pagamento de um valor adicional. 

Aqui estão alguns dos canais e conteúdos a parte que você pode contratar com sua Claro Box TV: 

  • Amazon Prime Video; 
  • Claro Video; 
  • Combate; 
  • Conmebol TV; 
  • Curta On; 
  • Dog TV; 
  • ESPN; 
  • Facebook Watch; 
  • Globoplay; 
  • HBO; 
  • Looke; 
  • Netflix; 
  • NOW; 
  • Paramount+; 
  • Premiere; 
  • Star Premium; 
  • StarzPlay; 
  • Telecine; 
  • TV por assinatura (Top HD). 

Para adquirir o dispositivo Claro Box TV é preciso pagar uma taxa de adesão no valor de R$250,00. Além disso, é preciso pagar o plano mensal, que tem valores que vão de R$25,00 até R$79,90, caso você já seja cliente da operadora, também sendo possível incluir mais conteúdos, aumentando o valor do pagamento. 

Caso não seja cliente da Claro, os valores são um pouco mais altos, pois a taxa de adesão se torna R$399,00 e os valores dos planos vão de R$20,00 até R$199,89 ao mês. Todos esses valores mencionados são para débito em conta, ou seja, é necessário ter um cartão de crédito para fazer o cadastro nos planos. 

Agora que você conhece um pouco melhor como funcionam os diferentes serviços de IPTV, podemos trazer algumas vantagens e desvantagens desse serviço. É importante lembrar que alguns serviços de IPTV não são legais, se aproveitando da pirataria da TV por assinatura, então fique atento aos serviços que você contrata e utiliza. 

Vantagens de usar IPTV 

Uma das maiores vantagens é escolher o conteúdo que quer consumir, mesmo nos dispositivos veiculados por operadoras, é possível escolher se você quer assinar canais televisivos ou de streaming separadamente. 

Outro ponto positivo é que o conteúdo veiculado chega com uma qualidade de imagem muito superior ao da televisão a cabo, principalmente se você tiver uma boa internet para assistir o conteúdo em streaming. Para finalizar, você pode gravar os conteúdos que desejar em sua televisão para assistir quando e quantas vezes quiser. 

Desvantagens de usar IPTV 

Um dos maiores problemas relacionados ao IPTV é a necessidade de uma internet boa, com grande largura de banda, sendo necessário, talvez, adaptar o seu plano de internet. Na Claro é possível contratar o serviço da Claro Box TV com internet a partir de 250MB de velocidade, o que pode ajudar novos clientes deste produto. 

Outro ponto é que, devido ao uso da internet, as propagandas veiculadas no IPTV vão ser mais específicas ao seu perfil de consumo, o que pode ser um gatilho mental para pessoas com impulsos consumistas. 

Fora esses pontos e os serviços IPTV que se aproveitam da pirataria, temos que esse serviço, apesar de novo, tem muito potencial e pode ser aproveitado por você agora mesmo, então não deixe de explorar as ofertas das operadoras e adquirir seu dispositivo IPTV. 

Fique por dentro

Receba as novidades no seu e-mail.

icone newsletter
banner lateral

Encontre o plano ideal para você.

Veja os planos

Selecionamos os melhores planos de telefonia, internet e tv por assinatura para o seu perfil.