Práticas que deixam sua memória RAM cheia e lenta

Práticas que deixam sua memória RAM cheia e lenta

Lucas Lucas 31 jan 2022

Muitos componentes do seu computador estão suscetíveis a mudanças internas e externas. Como, por exemplo, a memória RAM, um elemento importante no processamento de informações no aparelho. Ela pode ficar “cheia” e precisar de limpezas de tempos em tempos, assim como pode ser danificada por mau uso ou interferências externas.

Esses problemas podem causar lentidões no computador, além de mau funcionamento geral, por isso é importante realizar procedimentos que mantenham a vida útil do aparelho e seus componentes. Confira práticas que deixam sua memória RAM cheia e lenta e como evitá-las.

Entenda sobre a lentidão no seu computador:

Manutenção de PC: memória RAM
Manutenção de PC: memória RAM

O que é a memória RAM?

A memória RAM é um componente do computador responsável pelo armazenamento de informações. No entanto, esses dados ficam lá temporariamente. Graças a ela, o PC pode abrir vários conteúdos simultaneamente, sem que isso pese muito. Depois que uma determinada tarefa é terminada, automaticamente ela é eliminada da memória RAM.

Em resumo, quanto maior a memória RAM, em Gigas (GB), mais tarefas o computador consegue exercer simultaneamente e alternar entre elas também se torna mais fácil.

Receba Novidades

Práticas que podem estar deixando a memória RAM cheia

Agora que você já sabe o que é memória RAM, é mais fácil entender o que pode estar causando lentidão nela. Confira abaixo:

1 – Muitos programas abertos simultaneamente

Como já vimos, a memória RAM pode armazenar e rodar um número de programas simultaneamente, porém, é bem fácil exceder esse número se a sua memória não é tão potente assim.

Cada programa, jogo ou aplicativo consome uma determinada quantidade da sua memória RAM. Portanto, ao abrir vários softwares, isso irá consumir mais que o planejado da memória. O ideal nesses casos é apertar Ctrl+alt+Del e abrir o gerenciador de tarefas. Nesse menu você poderá identificar os programas e a porcentagem de consumo de cada um, bem como fechá-los, se assim desejar.

2 – Muitos programas em segundo plano

Nossos computadores executam muitas funções sem vermos, em segundo plano. Algumas, conforme a necessidade do usuário, outras obrigatórias e uma pequena parcela, daqueles programas que nem lembrávamos estarem lá. Isso também consome uma boa parte da sua memória RAM e pode ser evitado ao executar os mesmos comandos do tópico anterior: Ctrl+Alt+Del.

3 – Presença de malwares no computador

Às vezes, quando baixamos conteúdo em sites duvidosos, transferimos arquivos de outros aparelhos ou abrimos links suspeitos, e nosso computador pode ser infectado com malwares ou vírus. Eles podem executar programas maliciosos em segundo plano e, como já aprendemos, isso pode consumir muito da memória RAM de seu computador.

Neste caso, é necessário rodar a verificação de seu antivírus preferido. De preferência, temos que usar de uma verificação mais profunda, já que o malware pode estar bem escondido em seus arquivos. Em situações mais drásticas, talvez seja preciso formatar o computador inteiro.

4 – Programas pesados

Alguns programas são excessivamente pesados, sendo mal otimizados para computadores. Portanto, podem consumir mais memória do que o necessário. Ou mesmo quando um programa está dentro do padrão, mas ainda assim é muito pesado para PCs mais normais. Por exemplo, os programas de edição de vídeo e imagens são extremamente pesados e aparelhos que não possuírem configurações páreas, podem dar problemas para executá-los.

5 – Pouca memória RAM

A medida que avançamos tecnologicamente, a maioria dos componentes antigos vão ficando obsoletos e programas vão sendo impossibilitados de rodar em computadores menos potentes. Neste caso, é necessário um upgrade, atualizando o hardware do aparelho.

É possível comprar as peças separadamente, por preços acessíveis para partes mais simples. Porém, se você não pretende ter problemas tão cedo, talvez seja a hora de botar a mão no bolso e investir em partes modernas e, consequentemente, mais caras. Principalmente, cuide da sua memória RAM, mantendo-a limpa, atualizada e, na medida do possível, aumentando-a.

Fique por dentro

Receba as novidades no seu e-mail.

icone newsletter
banner lateral

Encontre o plano ideal para você.

Veja os planos